100%
27.7.2020

5 passos para tornar a gestão pública mais eficiente

Você sabe como vencer os desafios do setor público e tornar a gestão mais eficiente? Nossos especialistas desenvolveram uma metodologia para resolvê-los e trazer mais eficiência aos governos.

Gestores públicos do mundo todo têm um desejo em comum: tornar o Estado e, consequentemente, seu trabalho mais eficientes.

Mas para isso é necessário vencer alguns desafios com os quais os gestores cruzam constantemente. 

Com sete anos de experiência na gestão pública, o Colab também já cruzou com estes desafios e nossos especialistas desenvolveram uma metodologia exclusiva para resolvê-los e trazer mais eficiência aos governos.

Te apresentamos agora os 5 passos para tornar a gestão pública mais eficiente.

1. Siga as teorias de gestão

Apesar de parecerem assuntos batidos e ultrapassados, os três Es - eficiência, eficácia e efetividade - são essenciais na administração pública, mesmo não recebendo a devida atenção muitas vezes.

Elas são palavras parecidas, mas possuem significados diferentes. Enquanto a eficiência é a capacidade de produzir um efeito, a eficácia cumpre o efeito pretendido utilizando todos os recursos disponíveis e a efetividade significa ser eficaz e eficiente ao mesmo tempo.

Para ter sucesso na gestão, seja ela de projetos, pessoas ou políticas públicas, é primordial possuir embasamento teórico.

2. Tome decisões baseadas em dados

Sabe qual é o segredo de empresas privadas bem sucedidas? Implementação de rituais para análise e processamento de dados, nos quais são baseadas as decisões em cada departamento.

As informações geradas a partir de dados ajudam a corrigir rotas, mensurar metas e traçar estratégias internas.

Contudo, o cenário do setor público é diferente. Apesar de ter uma grande quantidade de dados, são poucos os esforços para analisá-los e transformá-los em direcionamento para políticas públicas.

Um dos maiores desafios da gestão pública atual é manter uma cultura de gestão inteligente com base em dados, que possibilitem mudanças rápidas, assertivas e eficientes no governo. Uma gestão pública eficiente é a gestão orientada por dados.

3. Defina bem a governança interna

A governança interna bem estruturada também é peça chave para uma gestão eficiente. Afinal de contas, como saber com quem conversar sobre determinado problema, se você não sabe quem é o responsável pela área?

Estipular rituais internos que não podem ser adiados, acompanhamento constante dos projetos e reuniões periódicas são essenciais para obter sucesso, principalmente em projetos intersetoriais com diferentes equipes. 



Quer aprender mais sobre inovação em governos?

Deixe o seu melhor e-mail aqui embaixo e receba uma trilha de conteúdos únicos - e gratuitos! - que desenvolvemos sobre Gestão, Pessoas, Tecnologia e Inovação.

Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form.

4. Fomente a participação da sociedade

A participação cidadã é um dos melhores meios de conseguir legitimidade nas tomadas de decisão, afinal de contas o poder emana do povo e a vontade dele precisa ser cumprida. Mas antes disso, é necessário criar esta cultura de participação na sociedade, aproximando as pessoas do governo. 

Para que o cidadão se sinta parte das tomadas de decisão, é necessário que exista um canal direto entre ele e o poder público, de modo que ele seja ouvido e sua opinião seja considerada.

5. Engaje a população 

Sabemos que é difícil motivar a sociedade a participar das decisões de sua cidade, mas é um processo muito necessário. 

É preciso criar mecânicas de participação nas quais o cidadão se sinta recompensado pelo que ele está fazendo. Fazer com que ele se sinta parte de algo maior, que sua opinião faz sentido e que será ouvida do outro lado. 

Isso também traz um sentimento de responsabilidade, fazendo com que ele sinta que também é sua obrigação participar das decisões, pois acha uma porta aberta para ser ouvido.


Esses são os principais pontos para ter uma gestão pública eficiente. Você já adota algum deles?

Ana Mendonça

Sobre o autor

Ana Mendonça é jornalista e gestora de políticas públicas. Defensora de uma linguagem simples na administração pública, acredita no poder do cidadão e no protagonismo do servidor.