100%
6.4.2020

Boas práticas: Comunitas arrecada mais de R$23 milhões para doar respiradores a hospitais

Neste artigo, contamos como a Comunitas, em apenas quatro dias, conseguiu arrecadar fundos para doar 345 respiradores a hospitais públicos de São Paulo, ajudando no combate à pandemia do coronavírus.

Apesar das grandes perdas ocorridas em momentos de crise, são neles que percebemos a solidariedade da população e como o mundo ainda está cheio de pessoas que desejam fazer o bem.

No artigo de hoje, contamos como a Comunitas, em apenas quatro dias, conseguiu arrecadar fundos para doar 345 respiradores a hospitais públicos de São Paulo, ajudando no combate à pandemia do coronavírus.

A campanha

Encabeçada pela empreendedora social, Regina Esteves, a campanha tinha como objetivo arrecadar recursos para adquirir 345 respiradores para leitos de UTI no estado de São Paulo.
Para apoiar o governo sem sobrecarregá-lo, a diretora da Comunitas resolveu mobilizar sua rede em busca de doações para a área da saúde.
O resultado não poderia ser melhor: em apenas dois dias, a Comunitas já havia arrecadado R$10 milhões, batendo sua meta de R$23,5 milhões em apenas quatro dias após seu início.

Cerca de 150 pessoas, entre empresas e sociedade civil, contribuíram com a arrecadação.


Aqui no Colab adoramos inovar na gestão pública!

Por isso, disponibilizamos alguns conteúdos mais completos que falam sobre gestão pública. Deixe o seu melhor e-mail para recebê-los!

Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form.

Os beneficiados

O governo de São Paulo indicou 19 hospitais públicos em todo o estado para receber os aparelhos que serão doados pela Comunitas.

Cada aparelho custa em torno de R$70 mil e o governo se prontificou a investir na infraestrutura necessária para receber o equipamento.

Devido ao sucesso alcançado pela campanha, a Comunitas já está pensando em ampliar a ação e assim ajudar outros estados brasileiros.

Sobre a Comunitas 

A Comunitas é uma think and do thank, sem fins lucrativos e sem partido, voltada a melhorar as administrações públicas no Brasil. Formada por uma aliança de líderes empresariais, investe competência técnica e tempo no desenvolvimento do setor público brasileiro.


Você conhece alguma outra instituição que está fazendo um trabalho super legal no combate ao coronavírus?

Conta pra gente!


Ana Mendonça

Sobre o autor

Ana Mendonça é jornalista e gestora de políticas públicas. Defensora de uma linguagem simples na administração pública, acredita no poder do cidadão e no protagonismo do servidor.