100%
5.1.2021

Tecnologia e burocracia combinam?

A pandemia acelerou todo o processo de digitalização das empresas, mas e os governos, como ficaram? Neste artigo, falamos um pouco sobre nossa visão da relação entre burocracia e tecnologia.

Provavelmente você já está cansado(a) de ouvir sobre como a transformação digital mudou o mundo e a pandemia da Covid-19 trouxe um novo normal para nossas rotinas. Mesmo assim, é sempre bom reforçar: a tecnologia está mais presente em nosso cotidiano hoje do que um ano atrás.

Com todas as restrições impostas pelos governos para impedir o avanço da contaminação, as empresas tiveram que aceitar as famosas calls, as escolas se adaptaram para o ensino a distância e nós começamos a resolver tudo o que fosse possível pela internet. E, como é de costume no mundo virtual, esperamos que as respostas cheguem de maneira instantânea até nós – e isso nem sempre acontece se o setor público está na história.

Dentro desse cenário, entra o questionamento: será que a tecnologia e a burocracia combinam?

A Era do Instantâneo

O Pix é a ferramenta mais recente lançada pelo Banco Central e vem com a promessa de realizar transações em apenas 10 segundos, disponível 24 horas por dia e 7 dias na semana. A criação da ferramenta é um reflexo da necessidade da população de enviar e receber pagamentos para outras contas bancárias com mais agilidade.

Os smartphones atuais que não saem de nossas mãos são mais poderosos que o computador que levou o homem a Lua e, independentemente de seu sistema operacional ser Android ou IOS, todas as vezes que você o utiliza para realizar uma busca na internet, o site tenta “adivinhar” quais palavras você usará para prever sua procura. O motivo para isso é simples: gostamos do que é instantâneo.

Com as facilidades que a tecnologia trouxe, nos acostumamos a esperar que tudo no mundo virtual seja rápido e esteja disponível em poucos cliques. É por isso que os aplicativos estão sempre mudando seus layouts e trazendo mais praticidade e agilidade para o usuário.

Nós vivemos na era do instantâneo.

Sabia que dá para hackear a burocracia?

Diga adeus para os processos cansativos e ineficientes. Deixe o seu e-mail aqui e receba nossos conteúdos especiais.

Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form.

E a burocracia?

Sempre vemos a burocracia como uma grande inimiga. Essa é a responsável por andarmos com cópias de nossos documentos debaixo do braço, termos que ligar em diversos números e falar com vários atendentes para cancelar a TV a cabo e assinar muitos papéis, esperar, ir em um novo lugar e assinar ainda mais para resolver algo simples. E o pior: a burocracia não é “instantânea” como estamos acostumados.

Os processos burocráticos muitas vezes almejam trazer mais segurança para as transações, em outras só estão desatualizados.

O mundo da tecnologia com suas inovações não deixa espaço para ser burocrático, mas essa “inimiga” cotidiana consegue se infiltrar mesmo aqui. Mesmo que diferentes setores trabalhem em parceria, ainda existem sistemas que os separam e atrapalham na hora de encaminhar demandas, além de dificultar a comunicação entre eles.

Como maneira de hackear essa burocracia dentro do setor público, o Colab tem a opção de encaminhar a demanda para a secretaria responsável pelo aplicativo. Assim, a mesma plataforma conversa com todos os setores da Prefeitura e agiliza o processo para resolver o problema do cidadão.

Tecnologia e burocracia não combinam, mas com a ideia certa podem ser aliadas na construção de novas soluções que ajudem a todos.

Nat Almeida

Sobre o autor

Publicitária metida a escritora que gosta de falar sobre criatividade na gestão pública e é uma grande amante dos pães de queijo.